Espanha

 

Capital: Madri
Superfície: 505.954 Km2 (do tamanho de Minas Gerais)
População: 39,9 milhões de habitantes
Línguas: espanhol, línguas regionais
Expectativa de vida de vida: 79 anos
Adultos alfabetizados: 97,7%
Renda per capita: 14.800 dólares por ano
Religiões: 82,6% cristianismo; 15,7% sem religião; islamismo 0,9% Os Xaverianos sentiram fascínio por essa terra que, em 1506, tornou-se o berço em que nasceu seu santo padroeiro, são Francisco Xavier.

E assim, no decorrer do ano de 1962, resolveram dar início a uma série de fundações. Estava-se na período em que a Espanha oferecia frutos abundantes a todas as Congregações; e os Xaverianos não foram excluídos. Esta terra tinha sido “o sonho inacabado” de Mons. Conforti, que lá, por diversas vezes, quis abrir casas de formação, mas viu-se, sempre diante de dificuldades intransponíveis. Todavia, chegou o tempo para os Xaverianos abrirem caminhos em terras ibéricas e o sonho do Fundador tornou-se realidade. A Espanha é famosa por suas tradições missionárias. A história das missões é muito rica em figuras esplêndidas de missionários espanhóis. Atualmente os xaverianos estão presente em Madri, onde está também a casa regional, em Murcia e Burlada (na Navarra de Francisco Xavier), onde funcionam centros de animação e de formação missionária. Durante estes anos, numerosos espanhóis entraram a fazer parte da família xaveriana. Hoje, muitos deles trabalham em várias missões da congregação xaveriana, no Bangladesh, Japão, Indonésia, Brasil, Camarões, Chade, Serra Leoa …

Comentários