Às portas do 14º Intereclesial das CEBs

Às portas do 14º Intereclesial, grande encontro das Comunidades Eclesiais de Base do Brasil (CEB’s) a ser realizado em Londrina (PR), no período de 23 a 27 de janeiro, o arcebispo anfitrião do evento, dom Geremias Steinmetz divulgou um texto no site oficial das CEB’s no qual estima a participação de todos. Nele, dom Geremias afirma que é uma enorme alegria acolher a todos e todas em Londrina, cidades e comunidades vizinhas.

BANNER-CEBS-1132x444

“Já está muito perto o esperado 14º Intereclesial de CEBs. As reflexões sobre as “CEBs e os desafios no mundo urbano” vão tomando corpo pouco a pouco. O lema “Eu vi e ouvi os clamores do meu povo e desci para libertá-lo” (Ex 3,7) já ilumina a vida e a espiritualidade de milhares de pessoas que, esperamos, cresça ainda mais”, diz o início do texto.

Os Encontros Intereclesiais das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), de acordo com o Documento 92 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) intitulado “Mensagem ao povo de Deus sobre as comunidades eclesiais de base” são definidos como patrimônio teológico e pastoral da Igreja no Brasil. Desde a realização do primeiro, em 1975, em Vitória (ES) reúnem-se diversas dioceses para troca de experiências e reflexão teológica e pastoral sobre a caminhada das CEBs. O evento congrega bispos, religiosos, assessores e animadores das comunidades.

Para essa 14º edição há vários meses equipes de trabalho se preparam para acolher cerca de 3 mil participantes do Brasil, de países da América e de outros lugares para celebrar a diversidade e a beleza de viver o Evangelho. Para que o evento transcorra da melhor forma possível, segundo organizadores, dez delegados serão colocados em diferentes locais. Em cada um deles serão realizadas mini plenárias com o objetivo de debater “os desafios do mundo urbano” em diferentes áreas.

“A Arquidiocese de Londrina espera a todos com alegria e satisfação. As comunidades, com suas famílias acolhedoras esperam ansiosamente a chegada de todos. As muitas Equipes de Trabalho se preparam há vários meses para que tudo aconteça dentro do previsto e da necessidade de tão majestoso encontro.  O Secretariado pensou em tudo com muito carinho. Está tudo preparado!”, diz outro trecho do texto de dom Geremias.

A expectativa é a de que no mínimo seja realizada 13 mini plenárias. Segundo o padre Dirceu Fumagalli, da Formação da Articulação das Equipes de Serviços do 14º Intereclesial das CEB’s, esses locais que receberão as plenárias estão sendo chamados de praças com nomes de uma árvore de uma das espécies dos biomas brasileiros. “Isso ajuda a fortalecer a identidade dos participantes que vêm do Brasil inteiro”, afirma. O padre também explicou que para o bom desempenho e realização da metodologia do encontro haverá 25 equipes constituídas por pessoas solidárias às causas das comunidades eclesiais de base.

“[…] Agora esperamos no silêncio e na torcida para que todos cheguem bem e felizes e se sintam “em casa” entre nós. No abraço que lhes daremos na chegada queremos lembrar o abraço que Deus continua dando em seu povo para animá-lo na luta. Aproveitamos para desejar um Feliz e Santo Natal e o ano de 2018 próspero com as mais reais esperanças”, finaliza dom Geremias.

Fonte: CNBB

Comentários